segunda-feira, 2 de abril de 2012

02 de abril - Dia Mundial da
 Conscientização do Autismo
Imagem: Disponível em: < http://www.pagina3.com.br/geral/2012/abr/2/1/tudo-azul-no-dia-mundial-de-conscientizacao-do-autismo-a-palavra-ainda-e-desconhecida-para-muitos  >
O Dia Mundial da Conscientização do Autismo, comemorado em 02 de abril, foi criado pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 18 de Dezembro de 2007, para fomentar ações de esclarecimento e conscientização acerca desse assunto. 
O autismo é uma disfunção global do desenvolvimento, que afeta a capacidade de comunicação do indivíduo de socialização (estabelecer relacionamentos) e de comportamento. Essa "desordem" faz parte de um grupo de síndromes denominadas TranstornoGlobal do Desenvolvimento (TGD), também conhecida como TranstornoInvasivo do Desenvolvimento (TID). 
Algumas crianças, apesar de autistas apresentam inteligência e fala “intactas”, outras apresentam sérios problemas no desenvolvimento da linguagem. Outra característica é que alguns indivíduos parecem fechados e distantes, muitas vezes presos a rígidos e restritos padrões de comportamento.
Os diversos modos de manifestação do autismo também são designados de espectro autista, indicando outras possibilidades dos sintomas do autismo. Atualmente, em muitos casos, pode-se detectar a síndrome antes dos dois anos de idade.
Alguns adultos portadores de autismo são capazes de ter sucesso na carreira profissional, porém, os problemas de comunicação e socialização dificultam algumas ações e por isso, esses adultos continuarão a precisar de encorajamento e apoio moral na sua luta para uma vida independente.
Nos Estados Unidos o autismo afeta, em média, uma em cada 110 crianças nascidas nos Estados Unidos, segundo o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC) e números divulgados em dezembro de 2009. Infelizmente, no Brasil, ainda não há dados completos sobre o quadro.
Com base no movimento do ano de 2010 no Dia Mundial de Conscientização doAutismo, a ONU declarou que, segundo especialistas, acredita-se que a síndrome atinge cerca de 70 milhões de pessoas em todo o mundo, prejudicando a comunicação e interação desses indivíduos com a sociedade.
Um dos mitos comuns sobre o autismo é de que pessoas portadores dessa síndrome vivem em seu mundo próprio, interagindo, apenas, com o ambiente que criam... 
Isto não é verdade! A criança simplesmente pode ter dificuldade de iniciar, manter ou terminar adequadamente uma conversa.
Outro mito comum é pensar  no indivíduo autista como uma pessoa deficiente mental ou que sabe poucas palavras (ou até mesmo que não sabe nada). Podem ocorrer problemas na inteligência de maneira geral ou no desenvolvimento de linguagem, porém, muitas vezes é difícil definir se ocorre um déficit intelectual ou se ela nunca teve oportunidades de interagir com outras pessoas e com o ambiente. Na verdade, alguns indivíduos com autismo possuem inteligência acima da média.
A cor azul foi definido como a cor símbolo do autismo, porque a síndrome é mais comum nos meninos – na proporção de quatro garotos para cada menina. Para lembrar o Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo, diversos monumentos no Brasil e no mundo, neste dia, estarão iluminados com a cor azul.

Nenhum comentário:

Postar um comentário